A PERCEPÇÃO AMBIENTAL DO CONSUMIDOR CONSIDERANDO A ACV E UM PRODUTO DA INDÚSTRIA DE ERVA MATE

Ronaldo Jose Seramim, Loreni Teresinha Brandalise

Resumo


Este estudo buscou identificar o grau de percepção do consumidor em relação às questões ambientais ao longo da Análise do Ciclo de Vida do produto (ACV) à base de Chá Mate. Para isso, o modelo VAPERCOM de Brandalise (2008) foi adaptado e aplicado ao público consumidor de chá mate gelado “Xima”, produzido por uma indústria localizada no município de Laranjeiras do Sul, Paraná. O modelo possibilita à organização desenvolver ações sobre a gestão do produto na ótica da redução, reutilização e possibilidade de reciclagem. A metodologia é quanti e qualitativa, aplicada a uma amostra de 138 potenciais consumidores do produto, em um processo que envolveu a caracterização do produto e do público pesquisado, identificação da percepção ambiental, do consumo ecológico e das etapas ACV. Ao final foi possível descrever a importância das organizações em aplicar o modelo para obter maior conhecimento sobre sua clientela, propiciando ações norteadas pela conduta do consumidor em relação ao produto. Os principais resultados indicam que a organização deve desenvolver mercadológicas no sentido de informar as fortes características ecológicas presentes no produto, pouco percebidas pelos consumidores.

Palavras-chave


Percepção ambiental; ACV; Meio ambiente; Consumidor ecológico

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.24857/rgsa.v10i2.1127

Direitos autorais 2016 Revista de Gestão Social e Ambiental

Revista de Gestão Social e Ambiental ISSN: 1981-982X